Who’s gonna love me now?

Tomer Heymann & Barak Heymann

2016 | Israel | DOC | 85 '

Foi há 18 anos que Saar, um jovem judeu criado numa família religiosa, teve que deixar o kibbutz por causa de sua orientação homossexual. Mudou-se para Londres, onde poderia finalmente viver a vida que queria. Quando descobriu que era VIH positivo, a sua família teve que enfrentar mais um desafio. Mas o protagonista não deixou de lutar pela aceitação e manutenção de vínculos com a sua família. Quando confrontado com a sua mãe, pai e irmãos, tenta nomear e re-trabalhar o problema dividindo-os, de forma a tornar-se uma parte da comunidade de novo, continuando a ser ele mesmo.

ver trailer
biografia

Desde o estabelecimento da produtora Heymann Brothers Films, Tomer Heymann (Israel, 1970) e Barak Heymann (Israel, 1976), já realizaram e produziram mais de 20 documentários e séries, alguns como co-produções internacionais. Os projetos cinematográficos cuidadosamente selecionados de Tomer e Barak oferecem uma perspectiva personalizada da complicada situação política em Israel, e lidam com as questões das minorias e dos direitos humanos, apelando tanto ao mercado local como internacional de documentários. Os seus filmes estrearam em inúmeros festivais em todo o mundo (como BERLINALE, IDFA, LOS ANGELES INT'L FILM FESTIVAL, DOKLEIPZIG, BFI London Film Festival, Sheffield e HOTDOCS), ganharam prémios de prestígio e foram lançados nos cinemas em todo o mundo. Várias retrospectivas foram dedicadas aos irmãos Heymann nos últimos anos - em Nova York, San Francisco, Buenos Aires, São Paulo, Tel Aviv e muito mais. Tomer e Barak dão aulas em várias escolas de cinema em Israel e estão atualmente envolvidos numa série de co-produções internacionais em curso.

voltar